Preparado para ser consumido na hora, essa delícia tem fãs cativos ao redor do mundo. Seu ritual começa já na moagem do grão, na forma de prensagem do pó no filtro, na temperatura, pressão e tempo para sua extração. Para os peritos, ele é a forma de preparo que mais ressalta a riqueza de suas notas aromáticas que tão bem se combinam ao creme aveludado. Uma verdadeira arte.

• Moagem média/fina, como farinha de rosca.
• O café expresso exige grãos de melhor qualidade, por isso recomenda-se a torra mais clara.
• Coloque o pó na porta do filtro bem compactado, pois aí mora o segredo de um bom espresso. Se pouco compactado, o café não sai cremoso. Se muito, o café demora a sair e resulta muito concentrado. O ponto certo é fruto da experiência.
• Atente para o tempo de preparo. O café que passa com menos de 20 segundos resulta fraco e não cremoso. Por outro lado, com mais de 30 segundos, resulta amargo e forte.
• A temperatura da água deve ser em torno de 90ºC.
• O resultado é uma bebida de cor marrom claro de 3 ou 4mm de espessura, aroma forte e característico, ou seja, um delicioso café espresso.

Compre online aqui

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.