Um de meus pratos favoritos quer seja pela facilidade, quer seja pela riqueza de sabores.
O resultado fica excepcional se tivermos o cuidado de fazermos os passos de modo que todos os ingredientes fiquem prontos ao mesmo tempo e que, com isso, chegue quente à mesa.
A escolha dos ingredientes e a preparação correta são fundamentais, pois a cocção é simples e rápida.

Leia antes a receita até o fim, assim você poderá entender os passos e fazer corretamente, pois para escrever a ordem teve que ser alterada.

Ingredientes:

2 filets de frango
1 lombo de bacon sem gordura aparente
1 cenoura
2 colheres de vinagre branco (se tiver, vinagre de laranja)
1 colher de sobremesa de mel
150 ml de suco de laranja
150 ml de caldo de galinha
30 gramas de açúcar ou duas colheres de Mel
Sal e pimenta do reino
1 Laranja e Raspas de sua casca

Preparando o Molho:

Em uma panela coloque duas colheres de sopa de açúcar (ou mel), duas colheres de vinagre de laranja, uma colher de sopa de mostarda Dijon, 150 ml de suco de laranja e 150 ml de caldo de galinha.
Deixe reduzindo até engrossar, em fogo baixo, mexendo de vez em quando, mas não deixe que fique demasiadamente espesso.
Verifique o sal e, se necessário, acerte, colocando-o, pois algumas laranjas são demasiadamente doces. 
Caso seja muito azeda, mexa na quantidade de açúcar (ou mel)até equilibrar os sabores. O açúcar e o mel irão tirar o amargor que as laranjas podem deixar. Tempere com pimenta do reino.

• Quando eu falo sobre experimentar, acertar, equilibrar os sabores, deixo a vocês, na verdade, uma das melhores dicas que eu poderia deixar. O que diferencia um cozinheiro profissional de um amador é exatamente isso. O profissional experimenta a cada passo e tenta dar o melhor em cada um deles. Se deixar para o fim da cocção pode ser difícil esse acerto.
Preparando as carnes:

Tempere os filets de frango com sal e pimenta do reino moída na hora. Reserve na geladeira.

Descasque uma cenoura e cozinhe na água com um pouco de shoyu, açúcar e, apenas um pouco de sal, pois o shoyu já é salgado. Deixe até ela amaciar um pouco, mas ainda mantendo a firmeza. Terminaremos o processo depois, com ela dentro do molho de laranja.

Agora vamos fritar os filets de frango e os pedaços do bacon, mas use o lombo de bacon que tem mais carne e menos gordura. Frite o lombo de bacon primeiro, assim ele deixará um pouco da gordura na frigideira e isso dará mais sabor ao filet de frango ao frita-lo. Se estiver muito seca a frigideira, coloque um pouco de óleo ou manteiga com um fio de azeite. Caso o filet de frango seja muito grosso depois de selar na frigideira leve ao forno pré-aquecido por uns 6 minutos a 180ºC e o deixe descansar por uns cinco minutos para que fique bem cozido por dentro.
Enquanto isso, o molho deve estar ficando no ponto. Coloque agora as cenouras e os gomos da laranja dentro dele. Serão os últimos três minutos no fogo, tempo suficiente para terminar de amaciar a cenoura. Isso irá caramelizá-la, além de deixar um sabor, tanto na cenoura e nos gomos de laranja, quanto o molho.
Montagem:

Corte o frango em leque, ou seja, faça as incisões sem chegar até o fim, assim pode dobrar feito um leque.
A cada duas incisões, coloque uma fatia de lombo de bacon.
Retire as cenouras e os gomos da laranja do molho, coando em uma peneira de metal (não esqueça que está quente).
Disponha as cenouras e os gomos lardeando o leque de frango e bacon, as zest no topo e regue com esse delicioso molho.
Faça um punhado de zests de laranja (se não tiver o zester, instrumento para retirar essas fatias fininhas da casca da laranja, tente tirar com a faca bem afiada, evitando a parte branca que é amarga e fatie bem fininho) e coloque por cima do preparo.

Últimas considerações:

• Para amaciar as zests da laranja coloque dentro de uma gaze ou amarre bem os zest e coloque junto com a cenoura e os gomos de laranja dentro do molho. Fica mais fácil retirar de dentro da panela assim.

• Aproveite essa mesma laranja e corte-a em gomos que irão ao molho (corte canelado, os famosos “supremes”).

• Verifique a total ausência das sementes nos gomos.

* É um prato que não precisa de arroz, batata, nem nada. Ele só já serve muito bem, mas se quiser sirva com arroz e nozes.

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Chef Marcos Ripp Cozzella
Últimos posts por Chef Marcos Ripp Cozzella (exibir todos)